Programa

Clique no link a seguir para visualizar o programa da conferência.
Programação

 

 

 

X ENCONTRO INTERNACIONAL DE INFORMAÇÃO, CONHECIMENTO E AÇÃO

Informação, Conhecimento, Ação Autônoma e Big Data: Continuidade ou Revolução?

 

18 de junho, segunda-feira

Sala 64

08:30h - 12:00h

MINICURSO 1 Tópicos Especiais de Informação, Organização do Conhecimento e Big Data

 

Fidelia Ibekwe-San Juan (Universidade de Aix-Marseille / França), Maria Eunice Quilici Gonzalez (UNESP / Marília),

Daniel Martínez Ávila (UNESP / Marília)

Moderadora: Edna Alves de Souza (UNESP / Marília)

14:00h - 15:30h

WORKSHOP 1 Informação Big Data e Complexidade

 

Leonardo Lana de Carvalho (UFVJM), João Antonio de Moraes (FAJOPA / UNICAMP),

Marcos Antônio Alves (UNESP / Marília)

Moderador: Sérgio Nunes (UFPA)

16:00h - 16:30h

COFFEE BREAK

16:30h - 18:00h

WORKSHOP 2 Traduções entre lógicas: contribuições para o estudo da informação e do Big Data

 

Ítala Loffredo D’Ottaviano (CLE / UNICAMP),  Hércules de Araújo Feitosa (UNESP / Bauru)

Moderador: Ricardo Tassinari (UNESP / Marília)

 

19 de junho, terça-feira

Sala 64

08:30h - 12:00h

MINICURSO 1 Tópicos Especiais de Informação, Organização do Conhecimento e Big Data

 

Fidelia Ibekwe-San Juan (Universidade de Aix-Marseille / França), Maria Eunice Quilici Gonzalez (UNESP / Marília),

Daniel Martínez Ávila (UNESP / Marília)

Moderador: Ricardo Peraça Cavassane (UNESP / Marília)

14:30h - 16:30h

WORKSHOP 3 Big Data, Informação e a Dinâmica da Formação de Opiniões: um Estudo sobre Narrativas Sociais

 

Jorge Louçã (Universidade de Lisboa / Portugal), Mariana Claudia Broens (UNESP / Marília)

Moderadora: Ítala Loffredo D’Ottaviano (CLE / UNICAMP)


 

20 de junho, quarta-feira

Anfiteatro I

08:00h - 08:30h CREDENCIAMENTO

08:30h - 09:00h SOLENIDADE DE ABERTURA

09:00h - 10:00h CONFERÊNCIA PLENÁRIA

Narrativas sociais acerca da violência de gênero na sociedade brasileira

Jorge Louçã (Universidade de Lisboa / Portugal)

Moderadora: Marta Lígia Valentim (UNESP / Marília)

 

Sala 64

10:00h - 10:30h COFFEE BREAK E SESSÕES DE PÔSTERES

 

Anfiteatro I

10:30h - 12:30h MESA REDONDA Informação, Tecnologia e Ação Autônoma da Era dos Big Data

Big data na perspectiva das Ciências da Informação

Maria Claudia Cabrini Gracio (UNESP / Marília)

Confiança mútua e vigilância: uma revolução na era dos Big Data?

Mariana Claudia Broens (UNESP / Marília)

Big Data: Estudo de caso de Falácias Lógicas pelo Judiciário

Ítala Loffredo D'Ottaviano (CLE/UNICAMP)

Moderador: José Artur Quilici-Gonzalez (UFABC)

 

Anfiteatro I

14:30h - 16:00h MESA REDONDA Big Data, redes sociais e organização do conhecimento

Terceira Margem: o conhecimento nas redes sociais

Izabel Patrícia Meister (UNIFESP / São Paulo)

Redes sociais digitais e a esfera pública:  fake news e a manipulação  da opinião coletiva

Magaly Parreira do Prado (Faculdade Cásper Líbero / São Paulo)

Conhecimento, Inteligência Organizacional e Big Data: tendências e perspectivas neste campo

Marta Lígia Valentim (UNESP / Marília)

Moderador: Max Rogério Vicentini (UEM - UNESP / Marília)

 

Sala 64

16:00h - 17:00h COFFEE BREAK E SESSÕES DE PÔSTERES

Anfiteatro I

19:00h - 19:30h APRESENTAÇÃO CULTURAL - CORAL BOCA SANTA

19:30h - 21:30h CONFERÊNCIAS PLENÁRIAS

Big data, escolha de linguagem, e identidades no Instagram entre falantes de legado DMV

Jose Magro (Universidade de Maryland / Estados Unidos)

O DAOs dos DAOs: uma revolução social para o século XXI?

Paul Bourgine (École Polytechnique / França)

Acesso à informação na língua materna e “Big Data”: reflexões entre lusófonos

Claudia Wanderley (CLE / UNICAMP)

Moderador: Ricardo Tassinari (UNESP / Marília)

 

21 de junho, quinta-feira

 

Anfiteatro I

08:30h - 09:30h CONFERÊNCIAS PLENÁRIAS

As armadilhas da pesquisa movida por Big Data: uma avaliação

Fidelia Ibekwe-San Juan (Aix-Marseille University / França)

Moderador: Daniel Martínez Ávila (UNESP / Marília)

 

Sala 64

09:30h - 10:30h COFFEE BREAK E SESSÕES DE PÔSTERES

 

Anfiteatro I

10:30h - 12:00h MESA REDONDA Big Data e (Des)Informação

Considerações Semióticas sobre Fake News e Alternative Facts – verdade e ética no universo dos big data

Ivo Assad Ibri (PUC / São Paulo)

Explicação científica: causalidade ou correlação na era dos big data?

Max Rogério Vicentini (UEM - UNESP / Marília)

Moderadora: Maria Claudia Cabrini Gracio (UNESP / Marília)

 

Salas 11, 12, 61, 62, 64

14:30h - 16:00h SESSÕES DE COMUNICAÇÃO

 

Sala 64

16:00h - 17:00h COFFEE BREAK E SESSÕES DE PÔSTERES

 

 

Anfiteatro I

19:30h - 21:30h CONFERÊNCIAS PLENÁRIAS

A ação consciente humana e a ação manipuladora autônoma: reflexões sobre a tecnologia e a sua evolução

Guiou Kobayashi (UFABC)

Desinformação, Distopia e Pós-Realidade nas Redes Sociais

Anderson Vinícius Romanini (ECA / USP)

Moderadora: Mariana Claudia Broens (UNESP / Marília)

 

22 de junho, sexta-feira

Anfiteatro I

08:30h - 10:00h CONFERÊNCIAS PLENÁRIAS

Synecoculture and Megadiversity Management System

Masatoshi Funabashi (Sony Computer Science Laboratories / Japão)

Big data, Merging, Re-Contextualization, and Database Semiotics

Birger Hjorland (Universidade de Copenhagen / Dinamarca)

Moderador: Daniel Martínez Ávila (UNESP / Marília)

 

Sala 64

10:00h - 10:30h COFFEE BREAK E SESSÕES DE PÔSTERES

 

Anfiteatro I

10:30h - 12:00h MESA REDONDA Big Data, redes sociais e linguagem: algum acréscimo ao estudo da informação?

Classificando a LOD Cloud: Aprofundando no Gráfico de Conhecimento

Daniel Martínez Ávila (UNESP / Marília)

Ciência da Informação em transformação: Big data e redes sociais

Renato Rocha Souza (Fundação Getúlio Vargas / Rio de Janeiro)

O domínio Bigdatiano

Sérgio Nunes (UFPA), Albert Souza (UFPA)

Moderador: Kleber Cecon (UNESP / Marília)

 

Salas 11, 12, 61, 62, 64

14:00h - 15:30h SESSÕES DE COMUNICAÇÃO

 

 

 

Anfiteatro I

15:30h - 16:30h CONFERÊNCIAS PLENÁRIAS

Uma análise do impacto dos Big data na sociedade

Ricardo César Gonçalves Sant’ana (UNESP / Tupã)

Aprender a aprender em tempos de Big Data

Plácida Leopoldina Ventura Amorim da Costa Santos (UNESP / Marília)

Moderadora: Rachel Vesu Alves (UNESP / Marília)

 

Sala 64

16:30h - 17:00h COFFEE BREAK E SESSÕES DE PÔSTERES

 

Anfiteatro I

19:00h - 19:30h APRESENTAÇÃO CULTURAL - BANDA DO GAEC

19:30h - 20:30h CONFERÊNCIA DE ENCERRAMENTO

As Novas Biotecnologias e a Questão Antropológica: Implicações Morais

Ivan Domingues (UFMG)

Debatedor: Alfredo Pereira Jr. (UNESP / Marília - Botucatu)

20:30h - 21:30h AVALIAÇÃO GERAL DO EVENTO E PREMIAÇÃO DOS TRABALHOS SELECIONADOS

Afinal - Big Data: Continuidade ou Revolução?

Maria Eunice Quilici Gonzalez (UNESP / Marília), Daniel Martínez Ávila (UNESP / Marília)

 

 

SESSÕES DE COMUNICAÇÃO

 

21 de junho, quinta-feira

Sala 11

 

14:30h - 16:00h

MESA 1: Informação, Big Data e Ação Autônoma

 

1. PERCEPÇÃO E MISINFORMATION: OS POSSÍVEIS IMPACTOS DAS FAKE NEWS NA AÇÃO HUMANA

2. INFORMAÇÃO, BIG DATA E AÇÃO AUTÔNOMA

3. RESTRIÇÕES DE ACESSO E DE ACESSIBILIDADE EM AMBIENTES WEB PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

4. A LIMITAÇÃO CRESCENTE DA AUTONOMIA

Sala 12

MESA 2: Big Data, Inteligência Artificial e Ética

 

5. ALGORITMOS GENÉTICOS E APRENDIZAGEM: QUEM, DE FATO, APRENDE?

6. BIG DATA E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL: ASPECTOS ÉTICOS E LEGAIS MEDIANTE A TEORIA CRÍTICA

7. COLETA DE DADOS POR APLICATIVOS E SEU IMPACTO SOBRE A PRIVACIDADE

8. UMA ANÁLISE FILOSÓFICA DA SINGULARIDADE TECNOLÓGICA NA INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Sala 61

MESA 3: Big Data, Fake News e a Opinião Pública

 

9. BIG DATA, FIXAÇÃO DE CRENÇAS E FAKE NEWS: A CAMPANHA DE DIFAMAÇÃO CONTRA MARIELLE FRANCO

10. CONCEITO DE CONSTRUÇÃO SOCIAL DA REALIDADE NO FACEBOOK: IMPACTOS DAS NOTÍCIAS FALSAS NA OPINIÃO PÚBLICA

11. ASPECTOS DE UMA DEMOCRACIA HACKEADA: BIG DATA, FAKE NEWS E A FORMAÇÃO DA OPINIÃO PÚBLICA.

12. BIG DATA E PÓS VERDADE: CONSIDERAÇÕES À LUZ DO NEOPRAGMATISMO

Sala 62

MESA 4: Big Data, Linguagem e Semiótica

 

13. LINGUAGEM E VARIAÇÃO LINGUÍSTICA EM CIÊNCIA COGNITIVA ENATIVA

14. INFORMAÇÃO E LINGUAGEM: NATURALIZAÇÃO DA SEMÂNTICA E APRENDIZADO

15. SESGOS DE CREENCIAS E IMPOSIBILIDAD DE DIÁLOGO PÚBLICO: UNA TEORÍA DE LOS CONTEXTOS IMPLÍCITOS PARA COMPRENDERLO

16. O FENÔMENO DAS FAKE NEWS E A TECNOLOGIA BLOCKCHAIN ANALISADOS A PARTIR DA SEMIÓTICA DE CHARLES S. PEIRCE

Sala 64

MESA 5: Big Data e Epistemologia

 

17. A INTERPRETAÇÃO DA CULTURA ATRAVÉS DOS DADOS: O BIG DATA A PARTIR DA EPISTEMOLOGIA DO SUL

18. BIG DATA E FILOSOFIA: NOVOS DESAFIOS PARA OS FILÓSOFOS

19. EPISTEMOLOGIA E ANÁLISE DO DOMÍNIO

20. O PRINCÍPIO DA SIMETRIA NA VIRADA INFORMACIONAL E A ANTROPOLOGIA ECOLÓGICA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SESSÕES DE COMUNICAÇÃO

 

22 de junho, sexta-feira

Sala 11

14:00h - 15:30h

MESA 6: Big Data e Ciências Formais

 

21. CURADORIA DE DADOS EM REPOSITÓRIOS CIENTÍFICOS: CONTRIBUIÇÕES DO DESIGN DA INFORMAÇÃO

22. ANÁLISE DE DOMÍNIO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE COLETA DE DADOS NO CONTEXTO DO INSTITUTE OF ELECTRICAL AND ELECTRONICS ENGINEERS

23. O CONTEXTO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA DE BIG DATA: ANÁLISE CIENTOMÉTRICA

24. INTERSECÇÃO TEMÁTICA DE PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA O FENÔMENO BIG DATA NO BRASIL

Sala 12

MESA 7: Big Data, Organização do Conhecimento e Autonomia

 

25. INFORMAÇÃO PARA AUTONOMIA EM NEGÓCIOS, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA

26. DESCRIÇÃO DE ACERVOS MUSEOLÓGICOS: POSSIBILIDADES DA UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE ATOM NA REPRESENTAÇÃO DA INFORMAÇÃO

27. PERSPECTIVAS DO CROSS-CULTURE PARA BIBLIOTECAS HÍBRIDAS

28. MODELOS DE REPRESENTAÇÃO SEMÂNTICA NA ERA DO BIG DATA

Sala 61

MESA 8: Big Data e o Processo de Tomada de Decisão

 

29. A RELAÇÃO ENTRE O BIG DATA, COMPETÊNCIA EM INFORMAÇÃO E O PROCESSO DECISÓRIO

30. O BIG DATA NO DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA 4.0: NOVAS PERSPECTIVAS PARA O EMPREENDEDORISMO ACADÊMICO

31. O PROCESSO DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA COMO FERRAMENTA ESTRATÉGICA FRENTE AO BIG DATA EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

32. GESTIÓN BIG DATA COMO ESTRATEGIA DE EXPANSIÓN Y MEJORA EN LA TOMA DE DECISIÓN DE LAS PEQUEÑAS EMPRESAS

Sala 62

MESA 9: Big Data e a Ciência de Dados

 

33. BIG DATA E CIÊNCIA DE DADOS: COMPLEMENTARIDADE CONCEITUAL NO PROCESSO DE TOMADA DE DECISÃO

34. METADADOS NO CONTEXTO DO BIG DATA: ANÁLISE DA APLICAÇÃO DO PADRÃO DUBLIN CORE

35. ANÁLISE DE BIG DATA: O HADOOP SOB A PERSPECTIVA DA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

36. BIG DATA: UMA ANÁLISE MULTIDIMENSIONAL DE DESIGN DA INFORMAÇÃO EM UM MODELO REFERENCIAL

Sala 64

MESA 10: Big Data, Informação e Mídias

 

37. MASS MEDIA AND NEW MEDIA: POSSIBILITIES OF INTERACTING WITH THE INFORMATION AIMING AT ITS APPROPRIATION

38. AS EMOÇÕES E OS ASPECTOS SUBJETIVOS DA EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO

39. A INFLUÊNCIA DO BIG DATA NA REPRESENTAÇÃO DE ASSUNTO EM AMBIENTES DIGITAIS

40. IMAGENS DIGITAIS NO CONTEXTO DO BIG DATA: VERACIDADE E VALOR

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SESSÕES DE PÔSTERES

 

20 de junho, quarta-feira

Sala 64

10:00h - 10:30h

 

e

 

16:00h - 17:00h

1. O VOCABULÁRIO CONTROLADO NOS REPOSITÓRIOS DIGITAIS

2. O PROBLEMA DOS QUALIA: O ARGUMENTO DOS ZUMBIS FILOSÓFICOS E O ARGUMENTO DA LACUNA EXPLICATIVA

3. USO DOS BIG DATA PARA DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIA EM INFORMAÇÃO: UMA ANÁLISE DE DADOS DE RECURSOS HUMANOS

4. A AÇÃO HUMANA NA CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO SOB A PERSPECTIVA DA ANÁLISE DE CITAÇÃO

5. QUANTIFICAÇÃO NAS MÁQUINAS POR SHANNON A PARTIR DO PENSAMENTO BOOLEANO

6. A VULNERABILIDADE DOS DADOS PESSOAIS: UMA ANÁLISE A PARTIR DOS UNIVERSOS CIENTÍFICO E JORNALÍSTICO

7. A FOTOGRAFIA CIENTÍFICA COMO ORGANIZAÇÃO DO CONHECIMENTO: SEU TRATAMENTO A PARTIR DA TEMATIZAÇÃO

8. ACESSO E APROPRIAÇÃO DA INFORMAÇÃO: UM GRANDE DESEQUILÍBRIO QUE REFLETE NA AÇÃO DO CIDADÃO

9. A BUSCA POR FERRAMENTAS DE CONTROLE TERMINOLÓGICO NA ESFERA DA ARTE EM AMBIENTE WEB: SUA VALIA PARA UNIDADES DE INFORMAÇÃO

10. ANÁLISE DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO COM ENFOQUE SEMIÓTICO NO GUIA GAY SÃO PAULO

11. ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO E SEMIÓTICA: CONTRIBUIÇÕES CONCEITUAIS

12. PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE O TREINAMENTO DESPORTIVO DO TAEKWONDO NAS BASES DE DADOS SCOPUS

13. COMUNICAÇÃO NA ESFERA PÚBLICA VIRTUAL BRASILEIRA: AS CONSEQUÊNCIAS PRÁTICAS DA ADOÇÃO DO USO DE BIG DATA PARA AS PESQUISAS DE OPINIÃO PÚBLICA POLÍTICA NO BRASIL

14. REGIME DE INFORMAÇÃO E ANÁLISE DO DISCURSO: APROXIMAÇÕES TEÓRICAS E CONCEITUAIS

15. BIG DATA E O FUTURO PARA PRESERVAR

16. IDENTIDADE DE GÊNERO E NOVAS TECNOLOGIAS: A VIOLÊNCIA DE GÊNERO NO CONTEXTO DAS REDES SOCIAIS

17. ACESSIBILIDADE DIGITAL: REFLEXÕES NO CONTEXTO BIG DATA

18. COOKIES COM GOTAS DE CONTEXTO NA WEB

19. PESSOALIDADE E COMPUTAÇÃO VESTÍVEL: ANÁLISE DO CONCEITO DE EU QUANTIFICADO NA ERA DOS BIG DATA

20. ÉTICA PROFISSIONAL EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO: UMA ANÁLISE EM CÓDIGOS DE ÉTICA DOS ARQUIVISTAS E BIBLIOTECÁRIOS

21. QUESTÕES ACERCA DA AÇÃO: O PROBLEMA DA AUTONOMIA EM NAGEL

22. PERCEPÇÃO-AÇÃO EM AMBIENTES TECNOLÓGICOS: A PERCEPÇÃO DIRETA SOBREVIVERÁ?

23. INFORMAÇÃO E MODA NA ERA DO BIG DATA: COMO A INFORMAÇÃO DIGITAL TORNOU A MODA MAIS DINÂMICA

24. A MEDIAÇÃO SOCIAL DA INFORMAÇÃO NA PRIMEIRA BIBLIOTECA FEMINISTA DO BRASIL

25. ESTUDOS FEMINISTAS NO BRASIL: UMA ANÁLISE DA PRODUÇÃO ACADÊMICA SOBRE O FEMINISMO NA BASE DE DADOS SCOPUS NO PERÍODO 2007-2017

26. DIPLOMÁTICA E ORGANIZAÇÃO DO CONHECIMENTO

27. REDES SOCIAIS NO CONTEXTO DAS POLÍTICAS DE INFORMAÇÃO: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO

28. COMPUTAÇÃO EVOLUTIVA APLICADA AO MERCADO FINANCEIRO: UM SISTEMA DE RECOMENDAÇÃO ESTRATÉGICO PARA OS USUÁRIOS INICIANTES

29. PROBLEMAS DE COMPLEXIDADE ORGANIZADA: UM ESTUDO A PARTIR DO PARADIGMA DA COMPLEXIDADE

30. ÉTICA INFORMACIONAL, RESPONSABILIDADE SOCIAL E MEDIAÇÃO DA INFORMAÇÃO: INTERRELAÇÕES

31. PÓS-MODERNIDADE, CAPITALISMO E CONHECIMENTO: UMA ANÁLISE CRÍTICA

32. GOVERNANÇA PÚBLICA NO CONTEXTO DO BIG DATA: REFLEXÕES SOBRE GOVERNO BRASILEIRO E ANÁLISE DE DADOS

33. A GESTÃO, A PRESERVAÇÃO E O ACESSO DE INFORMAÇÃO EM AMBIENTES QUBITS

34. DADOS BIBLIOGRÁFICOS PARA O LINKED DATA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DE LITERATURA

 

 

 

 

 

 

SESSÕES DE PÔSTERES

 

21 de junho, quinta-feira

Sala 64

10:00h - 10:30h

 

e

 

16:00h - 17:00h

35. O ASSENTAMENTO FUNCIONAL COMO FONTE DE INFORMAÇÃO ORGÂNICA A PARTIR DA CLASSIFICAÇÃO FUNCIONAL: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

36. A IMPORTÂNCIA DA MEMÓRIA COLETIVA NA ORGANIZAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DO CONHECIMENTO NOS ESTUDOS AFRICANOS E DA DIÁSPORA

37. RECUPERAÇÃO DE DADOS EM SISTEMA ELETRÔNICO E POSTERIOR ACESSO ABERTO: UM ESTUDO VIA PROTOTIPAÇÃO COM MICROCONTROLADOR ARDUINO

38. ANAIS DO GT1 DO ENANCIB: UMA PERSPECTIVA DA INSTITUCIONALIZAÇÃO COGNITIVA E SOCIAL DA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO NO BRASIL

39. O PROCESSO DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA COMO FERRAMENTA ESTRATÉGICA FRENTE AO BIG DATA EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

40. LEVIATÃ 3.0: A PAZ À SOMBRA DOS DADOS

41. BIG DATA: O OUTRO VIOLADO

42. "WEB SEMÂNTICA" NO GT2 DO ENANCIB: ANÁLISE DE PROCEDIMENTOS MÉTODOLÓGICOS

43. POSSÍVEIS IMPACTOS DO BIG DATA NA DINÂMICA DAS EMOÇÕES HUMANAS QUE ENVOLVE EMPATIA

44. DADOS DE PESQUISA: EXTRAÇÃO DE PADRÕES E PREDIÇÃO DE NOVOS TEMAS USANDO BIG DATA

45. OCORRÊNCIAS DO CONCEITO "WEB SEMÂNTICA" NO GT2 DO ENANCIB: UMA ANÁLISE DE CONTEÚDO

46. CONTRIBUIÇÕES DA EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO NO CONTEXTO DOS REPOSITÓRIOS DIGITAIS

47. OS ESTUDOS SOBRE O TEMA BIG DATA NA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO NO BRASIL: ANÁLISE CIENTOMÉTRICA (1972-2018)

48. TRATAMENTO TEMÁTICO DA INFORMAÇÃO EM SUA PERSPECTIVA FORMATIVA

49. ARQUIVO PÚBLICO NO CONTEXTO DAS CIDADES INTELIGENTES

50. REFLEXÕES SOBRE A AÇÃO COLETIVA EM TEMPOS DE BIG DATA: CONTRIBUIÇÕES SEMIÓTICAS

51. DATA SCIENCE NA EDUCAÇÃO: UM ESTUDO ACERCA DE APLICAÇÕES DE BIG DATA ANALYTICS NA GERAÇÃO DE CONHECIMENTOS EM INSTITUIÇÕES DE ENSINO

52. PRINCÍPIOS DA ETICIDADE NO CONTEXTO DAS POLÍTICAS DE PRIVACIDADE PERANTE O VEÍCULO DE COMUNICAÇÃO CHAMADO SMART-TV

53. ABORDAGEM INFORMACIONAL PARA OBTENÇÃO DE PROJEÇÕES E A AMPLIAÇÃO DA CONSCIÊNCIA SITUACIONAL SOBRE INCÊNDIOS FLORESTAIS UTILIZANDO TÉCNICAS SEMÂNTICAS

54. ABORDAGEM DE FUSÃO DE INFORMAÇÕES SEMÂNTICAS DE CRIME PARA A OBTENÇÃO DE PROJEÇÕES SITUACIONAIS

55. O TRATAMENTO DOS OBJETOS VIRTUAIS DE APRENDIZAGEM COMO RECURSOS INFORMACIONAIS NA CRIAÇÃO, USO E RECUPERAÇÃO DA INFORMAÇÃO

56. QUALIDADE DOS DADOS NO CONTEXTO DE BIG DATA

57. ESTUDO EXPLORATÓRIO DAS TENDÊNCIAS PARA O BIG DATA NO MEIO RURAL

58. PENSAMENTO E AÇÃO: ASPECTOS ÉTICOS SOBRE O SER E O FAZER NO MEIO INFORMACIONAL

59. WHATSAPP COMO UM CANAL DE VENDA NA AGRICULTURA FAMILIAR: UM ESTUDO DE CASO

60. O USO DO WHATSAPP COMO FERRAMENTA DE MARKETING E ESTRATÉGIA PARA PROSPECÇÃO E FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES NA AGRICULTURA FAMILIAR: UM ESTUDO DE CASO

61. QUASE-VERDADE: ASPECTOS PRAGMÁTICOS E FORMALIZAÇÃO

62. A RECONSTRUÇÃO DA MEMÓRIA NEGRA ATRAVÉS DE DOCUMENTAÇÃO ICONOGRÁFICA PRESENTE NOS ARQUIVOS:MA ANÁLISE NO WEBSITE DO ARQUIVO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO

63. NATUREZA DO CONHECIMENTO: PERSPECTIVAS DE PLATÃO E DRETSKE

64. O PENSAMENTO COMPLEXO COMO CONCEPÇÃO SISTÊMICA DO MUNDO

65. ENCONTRABILIDADE DA INFORMAÇÃO NOS REPOSITÓRIOS INSTITUCIONAIS DA USP, UNESP E UNICAMP: UM ENFOQUE NA AÇÃO DOS SUJEITOS INFORMACIONAIS POR MEIO DA APLICAÇÃO DA TECNOLOGIA EYE-TRACKING

66. BIBLIOTECAS ACADÊMICAS EM DIREÇÃO ÀS INDÚSTRIAS CRIATIVAS

67. RECURSOS SONOROS E LINKED DATA: ABORDAGEM SOBRE METADADOS

 

 

 

SESSÕES DE PÔSTERES

 

22 de junho, sexta-feira

Sala 64

10:00h - 10:30h

 

e

 

16:00h - 17:00h

68. A INFORMAÇÃO E A INTELIGÊNCIA COMO COMPONENTE ESTRATÉGICO PARA AS ORGANIZAÇÕES RURAIS

69. A MATÉRIA E SUAS TRANSFORMAÇÕES: A RELAÇÃO ENTRE CORPO E MENTE, SEGUNDO DIDEROT

70. IMPACTOS DOS BIG DATA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA

71. PADRÃO DE METADADOS VRA CORE PARA REPRESENTAÇÃO DE ACERVOS ARQUITETÔNICOS: UMA PROPOSTA PARA BIBLIOTECAS DO ESTADO DE SÃO PAULO

72. MÍDIAS SOCIAIS: INTERFACE PARA MEMÓRIA INSTITUCIONAL E O CRESCIMENTO DA INDÚSTRIA

73. DESENVOLVIMENTO DE MODELO SEMÂNTICO DE REPRESENTAÇÃO DE INFORMAÇÕES CRIMINAIS PARA SUPORTAR A AVALIAÇÃO DE RISCOS

74. AS RELAÇÕES CONCEITUAIS EM ONTOLOGIAS: ANÁLISE DAS RELAÇÕES HIERÁRQUICA, ASSOCIATIVA E DE EQUIVALÊNCIA

75. ORGANIZAÇÃO DO CONHECIMENTO E CULTURA PARTICIPATIVA: A FANFICTION, O AUTOR/USUÁRIO E A CLASSIFICAÇÃO

76. IMPLICAÇÕES ÉTICAS NA UTILIZAÇÃO DE DADOS PARA PERSUASÃO PSICOLÓGICA EM MASSA

77. INFORMAÇÃO COMO AÇÃO SIGNIFICATIVA EM PROCESSOS SEMIÓTICOS EMERGENTES BASEADOS EM MULTIAGENTE

78. OS SONHOS LÚCIDOS: INTERNALISMO E EXTERNALISMO

79. CONHECIMENTO E AÇÃO NA PERSPECTIVA DE HEGEL

80. A FILOSOFIA E A CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO: O POTENCIAL CRÍTICO-REFLEXIVO NA FORMAÇÃO DE SERES AUTÔNOMOS

81. OBSERVAÇÃO E INTERPRETAÇÃO: É POSSÍVEL OBSERVAR SEM INTERPRETAR?

82. A QUASE VERDADE A PARTIR DA LÓGICA CLÁSSICA

83. DE QUEM É O LIKE?: REFLEXÕES SOBRE A POSSE E A RESPONSABILIDADE NO CONTEXTO VIRTUAL

84. MINERAÇÃO DE DADOS NA IDENTIFICAÇÃO DO PERFIL DE USUÁRIOS: INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO

85. O ARGUMENTO DO MILAGRE E A FALÁCIA DA TAXA-BASE

86. SMART CITIES E A MODELAGEM DE BIG DATA

87. A BIBLIOTECA E O BIBLIOTECÁRIO DE DADOS NA GESTÃO DE DADOS CIENTÍFICOS: NOVOS PAPÉIS, CONHECIMENTOS E DESAFIOS

88. IMPLICAÇÕES ÉTICAS DOS BIG DATA NAS INTERAÇÕES SOCIAIS: UMA INVESTIGAÇÃO SOB A PERSPECTIVA DA SISTÊMICA

89. O USO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO DO SER HUMANO

90. SISTEMA DE ORGANIZAÇÃO DO CONHECIMENTO UTILIZADO PELA COMUNIDADE BOOKTUBE: MAPEAMENTO DOS CONCEITOS

91. FAKE NEWS E BIG DATA: O DIRECIONAMENTO DA AÇÃO HUMANA BASEADA NO PROCESSO DE FIXAÇÃO DE CRENÇAS

92. ANÁLISE DO DISCURSO FRANCESA E ORGANIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO E DO CONHECIMENTO : LINGUAGEM, IDEOLOGIA E SUJEITO

93. POLÍTICA DE INDEXAÇÃO EM BIBLIOTECAS PÚBLICAS

94. COLETA AUTOMÁTICA DE ARTIGOS PARA POVOAMENTO DE REPOSITÓRIOS DIGITAIS UTILIZANDO OAI-PMH

95. TECNOLOGIAS PARA OTIMIZAÇÃO DE BUSCA NA WEB E SUAS IMPLICAÇÕES NO CONTEXTO DA COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA

96. CIÊNCIA COGNITIVA: UMA ANÁLISE DO ESTATUTO CIENTÍFICO A PARTIR DA PERSPECTIVA DE THOMAS KUHN

97. INDEXAÇÃO SOCIAL E AS NUANCES DA REPRESENTAÇÃO TEMÁTICA

98. O FENÔMENO GLASS CEILING E O ACESSO À INFORMAÇÃO: ESTUDO SOBRE AS BARREIRAS INVISÍVEIS IMPOSTAS ÀS MULHERES NO TRABALHO

99.ASSIMETRIAS DE GÊNERO NA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO: REFLEXÕES ENTRE BIOPODER E A PRESENÇA FEMININA NA ACADEMIA BRASILEIRA

100. O PARADIGMA FÍSICO, COGNITIVO E SOCIAL E A RELAÇÃO COM A ANÁLISE DE DISCURSO: NOVOS TRAÇOS EPISTEMOLÓGICOS NA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

101. DA DOCUMENTAÇÃO A CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO NO BRASIL: UMA ANÁLISE CONCEITUAL

 

 



Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

Captura-de-Tela-2020-01-12-s-21-26-08